Fatores clínicos e nutricionais relacionados à mortalidade precoce após transplante cardíaco

03/09/2018 | 08:00

Introdução

Apesar de a mortalidade precoce após o transplante cardíaco ter se associado individualmente com maior tempo de intubação, creatinina elevada, insuficiência renal aguda e maior gravidade do paciente, esses fatores perderam força ao serem analisados conjuntamente. Pacientes com indicação de transplante podem apresentar perda de peso com enfraquecimento muscular, redução da gordura corporal e da massa óssea como consequência da insuficiência cardíaca em fase avançada. Esse quadro é conhecido como caquexia cardíaca e pode aumentar as complicações e mortalidade no período pós-operatório. O objetivo desse trabalho foi verificar a associação de fatores clínicos e nutricionais com a mortalidade, nos primeiros 30 dias após transplante cardíaco.

Método

Foram estudados 103 indivíduos que fizeram o transplante, entre janeiro de 2013 e agosto de 2015. Deste, 16 (15,5%) morreram em até 30 dias após o transplante cardíaco. Não se observou diferença no IMC entre óbitos (22 kg/m2) e sobreviventes (21,5kg/m2), nem na fração de ejeção, anemia, presença de infecção, diabetes e caquexia cardíaca. Os óbitos tiveram maior tempo de intubação (112 x 37h), creatinina mais elevada (2,5 x 1,7 mg/dL), maior frequência de insuficiência renal aguda (100 x 40%) e maior gravidade pelo escore INTERMACS (63% x 45%) do que os que sobreviveram.

Resultado

Nenhum desses fatores impactou na mortalidade precoce ao serem analisados juntos, mostrando que novos estudos precisam ser realizados a fim de compreender os fatores que mais se relacionam com a mortalidade precoce nesses pacientes.

Leilane Giglio Canelhas de Abreu, Lis Proença Vieira, Tatiana Teixeira Gomes, Fernando Bacal. Clinical and Nutritional Factors Associated With Early Mortality After Heart Transplantation. Transplantation Proceedings 49: 874-877, 2017.

Receba novidades do InCor

Escreva abaixo seu nome e email para lhe enviarmos nossa newsletter semanal com as últimas atualizações do portal Referência InCor.


Publicidade
back-top