Como realizar a ressuscitação cardiopulmonar em tempos de COVID-19

11/05/2021 | 08:45

Compartilhe:

No Brasil, aproximadamente 360.000,00 morrem anualmente devido às doenças do aparelho circulatório. A parada cardíaca súbita (PCR), atinge cerca de 900 pessoas por dia, entre as que estão no ambiente hospitalar e fora dele como em casa, por exemplo.

Assim, é de suma importância que qualquer pessoa saiba realizar os passos para o atendimento da parada cardíaca. Estudos revelam que o treinamento de indivíduos leigos pode aumentar a sobrevida de uma vítima que sofreu parada cardíaca. A cada minuto sem fazer massagem cardíaca, a chance de sobrevivência diminui em 10%. O início precoce dessas compressões pode duplicar ou quadruplicar essa taxa de sobrevivência

Devido à pandemia por coronavírus, entendemos que é um momento delicado, para realização das manobras de ressuscitação, mas sem dúvida, ela é  fundamental para evitar a morte súbita.

Assim, decidimos gravar um vídeo mostrando como é possível salvar uma vida, com uma possibilidade muito pequena de contágio pelo coronavírus. O procedimento é simples.

Ao avaliar alguém que sem sinais de responsividade, ligue o 192 – Serviço Móvel de Urgência (SAMU) e peça por ajuda. Na sequência, se a vítima estiver sem máscara, coloque um pano sobre a região da boca e nariz e com as duas mãos entrelaçadas, inicie a massagem cardíaca na região torácica da vítima.  Estas ações simples podem salvar vidas!

Publicidade
back-top